viernes, 2 de noviembre de 2012

Experiência Vegana

Ontem fomos almoçar num restaurante vegano. O lugar tinha um astral ótimo, um restaurante pequeno, com mesas baixas, onde na parte de trás dão aulas de yoga.

Mas fiquei bem decepcionada, parecia que tinha entrado em um clube e não encaixava! A comida não era ruim, mas achei tudo muito radical. Estava sem sal, não serviam açúcar, café, vinho nem pão normal. Com o gostoso que pode chegar a ser a comida vegetariana, parece que ao final esse tipo de restaurante queima o filme dos demais... E há muitos bons!

Chegando em casa, dei uma boa investigada sobre os veganos. Basicamente, a origem é de vegetarianos que estavam incomodados de estar no mesmo grupo dos que comem leite, ovos, mel, e carne, claro. Eles se sentiam diferentes e criaram um novo grupo. Mas não só por isso. Os veganos estão na luta pelo direito dos animais, e não usam qualquer derivado animal, nem para a vestimenta. Tampouco frequentam lugares com animais como circos, zoológicos e granjas.

Eu não vou poder aderir a algo assim nunca, não porque adore ir na praça de touros, mas porque como de tudo e sem excessos e acho que é o que me faz bem, para mim e para minha família... Amo comer legumes, verduras e frutas, faço muitas receitas sem nada de carne, ao menos uma ao dia. Mas comer hambúrguer que parece de carne e não é, queijo que parece de leite e não é... prefiro coisas que são o que são! O tofu e o falafel são deliciosos, mas não gosto de comê-los "como se fosse".

Um vegano, às vezes, não come nem açúcar (que é de beterraba ou cana) porque parece ser que há refinarias que utilizam osso animal na hora de processar o alimento. Eu sou viciada em ler ingredientes de embalagens e descobri que esse é o passatempo preferido dos veganos. Obviamente ao pesquisar achei gente muito legal por aí e que é vegano, uma menina com um blog ótimo, super esclarecida e que dá dicas de altas receitas: http://papacapimveg.com/

Bom, preciso confessar que hoje entendi muita coisa... Ao buscar o nome na internet do restaurante em questão para dividir com vocês, acabo de entender porque a comida, além de estranha, era fria!! Chama crudivegania e acho que são da linha de comida viva. Somente recomendável para paladares já mais inseridos no tema http://www.crudivegania.org/

Será que vale por um bifinho?

2 comentarios:

papacapimveg.com dijo...

Obrigada pelo "esclarecida":-)

Jorge Ramiro dijo...

No outro dia eu fui para comer em um restaurante vegano. Eu achei uma experiência muito interessante, porque é um modo de vida. Acho que vou voltar, aquela experiência me fez pensar. Ele foi recomendado por um homem que trabalha em adestramento de animais, ele é o treinador do meu cachorro.